Um Voo Cego A Nada...

" Ter-se nascido ou vivido em Moçambique é uma doenca incurável, uma virose latente. Mesmo para os que se sentem genuínamente portugueses mascara-se a doenca, ignora-se, ou recalca-se e acreditamo-nos curados e imunizados. A mínima exposição a determinadas circunstâncias desencadeia, porém, inevitáveis recorrências e acabamos por arder na altíssima febre de uma recidiva sem regresso nem apelo". Rui Knopfli

sexta-feira, 19 de março de 2010

Dilema



O dilema está em saber parar e partir.
Enquanto não se instala o cansaço e brilha ainda a surpresa no olhar.
Enquanto for possível partir sem doer demasiado.
Antecipar o gesto de renúncia antes de chegar o momento de viragem.

Antecipar – se ao tédio.
Dobrar a esquina sem vacilar.
Existe sempre um limite, para lá do qual tudo se transforma na rotina que mata devagar.
Ter coragem de fixar esse ponto e dizer: basta! Vou morrer sem ti, mas é
preciso salvar o amor.


Maria José Quintela


Etiquetas: , ,

2 Comments:

OpenID limalimaorosabao said...

Só uma Mulher a sentir (e pensar) a emoção de uma relação. Tenho pena que o blogue seja restrito

sexta-feira, 19 de março de 2010 às 19:33:00 WET  
Blogger Macua said...

e tem razão, não toda, convenhamos...
já tem um link disponível.
Obrigado

quinta-feira, 1 de abril de 2010 às 20:40:00 WEST  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home